Recife - Cidade das pontes, dos rios, dos poetas e dos carnavais

| 25 julho 2017 | |
Recife é terra de encantos mil. Eu, como pernambucana, sinto orgulho desse pedaço de terra abençoado e  encantador, que apesar dos inúmeros problemas sociais existentes nos tempos recentes, ainda carrega nas pontes que a enlaçam uma beleza de pôr-do-sol espelhado em suas águas, em contraste com os prédios e sobrados decadentes, deixando a paisagem ainda mais bucólica...


Recife - cidade das pontes, dos rios, dos poetas e dos carnavais é uma obra ricamente ilustrada por Tati Móes, realizada por Lenice Gomes e Hugo Monteiro Ferreira. Trata-se da história da origem da cidade de Recife, desde os primórdios do século XVI em que o Brasil era colônia de Portugal. 

De maneira cronológica, o livro vai avançando ao longo dos séculos, trazendo informações notáveis sobre o desenvolvimento da cidade, como a produção de açúcar que levou a capitania de Pernambuco ao status de mais desenvolvida do período colonial, à invasão holandesa, à presença de Maurício de Nassau em Recife e as 'desavenças' entre a cidade e sua vizinha, Olinda. A obra aborda a importância dos rios para a estrutura física e econômica da cidade, a construção de prédios importantes como o Teatro Santa Isabel e de que figuras ilustres da nossa poesia ela foi berço  [João Cabral de Melo Neto, Mauro Mota e Manuel Bandeira.] 

Por fim, nos apresenta um pouco da cultura carnavalesca pernambucana, o frevo, o maracatu e o bloco do Galo da Madrugada, que atrai todos os anos milhares de pessoas de todo o país, - e turistas estrangeiros também - para prestigiar nossa cultura. 

Em suma, o livro é encantador, e certamente vai causar em todo aquele que não é recifense um sentimento de pertencer à estas paragens... 


11 Comentários:

Fê Akemi Says:
01 agosto, 2017

Olá!!

Recife é linda demais mesmo!!
Eu adoro livros que retratam um pouco da história e da cultura de algum lugar por isso me interessei muito.
E pelo que você descreveu esse é fantástico. Já deixei anotado aqui.
Fiquei encantada com sua resenha também. Muito amor!

bjs

Morgana Brunner Says:
01 agosto, 2017

Oiii Maria tudo bem?
Fiquei encantada pela sua resenha e obra em si, não a conhecia e é sempre com encontrarmos um livro que conte um pouco de onde nós vivemos, temos orgulho e não trocaríamos, adoraria ler e conhecer melhor onde tu moras.
Beijinhos

Vêvévi Says:
01 agosto, 2017

Oi,
Adorei a resenha.
Não conhecia o livro, e achei bem interessante.
Acho ótimo explorar as paisagens e ambientes que temos nessa país riquíssimo, e tão pouco valorizado.
Beijos

Gleyse Vieira Says:
01 agosto, 2017

Oi Val, Recife realmente tem uma história muito rica, que querendo ou não, por sermos vizinhos acabamos conhecendo. Conheço a cidade e um pouco dessa histórias. Muito bom trabalho para quem quer se aprofundar. Bjs

Fabrica dos Convites Says:
02 agosto, 2017

Oi Maria, tem mais que sentir orgulho mesmo, e problemas, todas as cidades tem. Não tinha ouvido falar do livro, e achei legal poder conhecer melhor a história da cidade.
Bjs, Rose.

Maria Luíza Lelis Says:
02 agosto, 2017

Olá, tudo bem?
Apesar de já ter ido ao Nordeste algumas vezes, eu, infelizmente, ainda não tive oportunidade de conhecer Recife.
Talvez por esse motivo o livro não tenha despertado tanto meu interesse. Não é muito meu estilo de leitura, mas acredito que para quem conheça a cidade o livro se torna mais interessante.
De qualquer forma, fico feliz que você tenha gostado do livro e da forma como ele retrata a cidade.
Beijos!

Tahis Says:
02 agosto, 2017

Olá Maria!
Apesar de não ler livros assim, sobre cidades, fiquei curiosa com esse, tenho vontade de conhecer Recife. Através do livro seria ótimo também.

beijos!
http://blogdatahis.blogspot.com.br/

Porre de Leitura e Livros Says:
03 agosto, 2017

Oi, Tudo bom?
Eu não conheço o Recife, mas tenho muita curiosidade, é um região adorável, o livro parece bem interessante.
Beijos, Joyce de Freitas.

Michele Lopez Says:
04 agosto, 2017

Olá,
Não conhecia a obra e, mesmo não gostando tanto de leituras mais históricas, fiquei curiosa para saber mais de Recife através dessa leitura.
Acho incrível quem dança frevo e queria muito saber também. Adorei a dica.

LEITURA DESCONTROLADA

Catharina M. Says:
04 agosto, 2017

Oie
Bem legal parece ser a leitura, diferente e atrativa, gostei muito do que li aqui e quero com certeza ler em breve

beijos
http://realityofbooks.blogspot.com.br/

Lorena Caribé Says:
06 agosto, 2017

Olá!!! Parece ser bem interessante, fiquei curiosa para ler. Eu tenho muita vontade de conhecer a cidade e tendo esse livro em mãos, seria ainda melhor. bjooo

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

╬† Autores ╬†

agatha christie Alan Dean Foster Alan Moore Álvares de Azevedo Ana Cristina César Anaïs Nin Anna Akhmatova Anne Rice Anne Sexton Antônio Xerxenesky Arthur Rimbaud Bob Dylan Bram Stoker Cacaso Caio f. Abreu Cecília Meireles Charles Baudelaire charles bukowski Charles Dickens chuck palahniuk Clarice Lispector clive barker Cruz e Sousa dalton trevisan David Seltzer Dik Browne Don Winslow edgar allan poe Eduardo Galeano Emily Brontë Ernest Hemingway Eurípedes F. Scott Fitzgerald Ferreira Gullar Florbela Espanca Franz Kafka Garth Ennis George R. R. Martin Gilberto Freyre Guido Crepax H. G. Wells H. P. Lovecraft Haruki Murakami Henry James Herman Hesse Herman Melville Hilda Hilst honoré de balzac Horacio Quiroga Hunter S. Thompson Ignácio de Loyola Brandão isaac asimov Ivan Turgueniev J. R. R. Tolkien Jack Kerouac Jack London Jay Anson João Ubaldo Ribeiro Joe Sacco Jon Krakauer Jorge Luis Borges José Mauro de Vasconcelos Julio Verne Konstantinos Kaváfis L. Frank Baum Laura Esquivel Leon Tolstói Lord Byron Luciana Hidalgo Luiz Ruffato Lygia Fagundes Telles manoel de barros Marcelo Rubens Paiva Mario Benedetti Mark Twain Marquês de Sade Martha Medeiros Mary Shelley Michel Laub Miguel de Cervantes Milo Manara Moacyr Scliar Neil Gaiman Nelson Rodrigues Nicolai Gógol Oscar Wilde Pablo Neruda Patti Smith Paulo Leminski Pedro Juán Gutierrez Rachel de Queiroz Rainer Maria Rilke Ray Bradbury Robert Bloch Robert Kirkman robert louis stevenson Roberto Beltrão Rubem Alves Sándor Márai Sófocles Stephen King Stieg Larsson Susan E. Hinton Sylvia Plath Torquato Neto Victor Hugo Virginia Woolf William S. Burroughs Ziraldo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...