Cujo - Stephen King

| 10 maio 2017 | |
Numa pequena cidade do Maine temos um monstro à espreita, que outrora foi um cão dócil e amava crianças, mas que devido a uma mordida de morcego enquanto perseguia um coelho na mata acabou se transformando numa criatura sem limites e que só queria fazer a dor parar, mesmo que para isso tivesse que morder a garganta daqueles a quem um dia sentiu amor...

Cujo é um cachorro São Bernardo, seu dono é um menino chamado Brett, que tem um pai violento que faz com que a esposa viva atormentada com seus rompantes de raiva... Tad Trenton é um menino de quatro anos que anda assombrado com uma sinistra figura que aparece no closet do quarto... Além de  lidar com esse mal 'invisível', apesar da pouca idade percebe que algo ruim está acontecendo com seus pais, Vic e Donna, que estão passando por uma fase difícil no casamento, e ao longo da história a situação se agrava devido a alguns acontecimentos infelizes...


Os personagens vão se mesclando em narrativas separadas mas que compõem de maneira harmoniosa o conjunto da obra, tornando o livro uma sequência de cenas alucinantes e de tirar o fôlego... Vamos acompanhando o desenrolar do enredo através da perspectiva dos personagens, inclusive pelo olhar inocente das crianças e do próprio cachorro... Impossível não se sentir tocado pela agonia do belo animal, aos poucos se transformando numa figura perigosa e sem controle...




"Simplesmente estava ali deitado, sentindo a dor que preenchia cada parte do corpo e deixava a cabeça zunindo. Estava cada vez mais difícil pensar no que iria acontecer em seguida, em sua vida simples de cachorro. Alguma coisa tomara o lugar do instinto."

Nas cenas que culminam no desfecho, há um verdadeiro embate do cão com Donna e Tad, cercados e sem esperanças de se livrar daquele 'cativeiro' que o destino os empurrou... É uma guerra psicológica entre caçador e presas... O ápice é cruel e nos deixa com um nó na garganta...

Stephen King provou mais uma vez seu talento como exímio escritor, que instiga os leitores a continuar até suas páginas finais... A edição publicada pela Suma de Letras ainda traz uma entrevista realizada com ele, em 2006... Cujo é perturbador, beira o insano, mas tão cru quando as circunstâncias nos levam a eventos imprevisíveis e prováveis de acontecer...



12 Comentários:

Beatriz Andrade Says:
11 maio, 2017

Eu morro de medo do gênero e tudo isso por causa do livro O Iluminado que eu li há mais de dez anos. Mas quando algum livro me interessa eu faço um esforço e leio, tenho tido ótimas experiências com o gênero e Cujo está na minha lista de desejados, só me falta coragem para ler.

Meu cantinho literário Says:
12 maio, 2017

Olá!
Acredita que nunca li nada do King? Tenho medo deste tipo de leitura, gosto mais de algo leve, como um bom romances, rs.
Beijo
Cássia

Amanda balãodaleitura Says:
12 maio, 2017

Olá
Tudo bem
Infelismente king não é para mim acho a escrita dele nuito detalhista e cansativa tentei ler dois livros dele e infelizmente um abadonei e outro não gostei .
Mais gostaria de adquirir este livro somente para ter na minha estante está edição linda .

Júlia Raquel Says:
12 maio, 2017

Olá, tudo bem? Tenho muita curiosidade em ler esse livro, pois a história parece ser maravilhosa. Do autor, até o momento, comecei a ler 'Sob a redoma', mas ainda não terminei e já li 'O cemitério', o qual gosto muito. 'Cujo' está na minha lista de desejados há décadas, e sinceramente, sua resenha me deixou com vontade de adquiri-lo para ontem!

Beijos,
www.paginasincriveis.blogspot.com.br/

Faby Souza Says:
12 maio, 2017

Olá, tudo bem?
Terror não é meu estilo de leitura favorito devo confessar, por isso estou procrastinando muito os livros do King. Ganhei It a algum tempo e quem sabe depois de realizar a leitura não coloco Cujo na lista não é?
Parabéns pela resenha.
Beijos

carool santos. Says:
13 maio, 2017

Olá, tudo bem? Acho essa edição belíssima do autor, mas confesso que ainda tenho que ter coragem pra ler qualquer coisa do autor HAHAH ainda mais cujo,e eu amo cachorros. Ótima resenha e com certeza irá agradar aqueles que gostam do gênero.
Beijos,
diariasleituras.blogspot.com.br

Fabrica dos Convites Says:
13 maio, 2017

Oi Maria, não tinha visto este livro do King ainda. Que sinistro esta situação, fiquei com pena​do guri. Gostei de saber que o enredo é narrado por mais de um personagem, gosto disso.
Bjs Rose

Morgana Brunner Says:
15 maio, 2017

Oiii Maria tudo bem?
Eu não consigo parar de me encantar com essa sua nova imagem do blog, ficou fascinante, em relação ao livro "Cujo", parece ser cheio de mistérios e envolvimentos, com toda certeza desejo ler.
Abraços

Saga Literaria Says:
15 maio, 2017

Olá,Maria! Tudo bem?

Adoro suspense e terror, Stephen King é um dos meus autores favoritos. Cujo eu comprei tem algum tempo, mas ainda não li. Confesso que sua resenha só aumentou minha vontade em ler essa obra!
Beijos

Oscar Calixto Says:
17 maio, 2017

Uau! Amei! Adorei o título "Torpor Niilista" o King é realmente um King! Ele sabe fazer o negócio! Não por acaso, volta e meia, seus livros viram filmes! Amei e fiquei tão plugado quanto fico nos livros dele!

Gabriela Rosa Says:
23 maio, 2017

Oi Maria, tudo bem?

Terror não é um gênero que me agrada muito, nem os filmes de terror me atraem.
Mas pelo a obra "It" do autor eu pretendo conhecer pois todas as resenhas e comentários que ouço sobre ela são positivos.
Sua resenha ficou ótima, mas não me despertou interesse no título.

Déborah Says:
26 maio, 2017

Valéria, ainda não tinha visto o layout novo, está maravilhoso.
Li poucas coisas do King, mas o que li já deu pra ver o quanto ele é maravilhoso e porque tem tanta fama.
Amei a história e fiquei bem interessada em ler.

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...