Quote: Amor líquido sobre a fragilidade dos laços humanos [Zygmunt Bauman]

| 22 abril 2017 | |


“Será que os habitantes de nosso líquido mundo moderno... preocupados com uma coisa e falando de outra? Eles garantem que seu desejo, paixão, objetivo ou sonho é “relacionar-se”. Mas será que na verdade não estão preocupados principalmente em evitar que suas relações acabem congeladas e coaguladas? Estão mesmo procurando relacionamentos duradouros, como dizem, ou seu maior desejo é que eles sejam leves e frouxos, de tal modo que, como as riquezas de Richard Baxter, que “cairiam sobre os ombros como um manto leve”, possam “ser postos de lado a qualquer momento”? Afinal, que tipo de conselho eles querem de verdade: como estabelecer um relacionamento ou – só por precaução – como rompê-lo sem dor e com a consciência limpa? Não há uma resposta fácil a essa pergunta, embora ela precise ser respondida e vá continuar sendo feita, à medida que os habitantes do líquido mundo moderno seguirem sofrendo sob o peso esmagador da mais ambivalente entre as muitas tarefas com que se defrontam no dia-a-dia."


Resultado de imagem para despedida

[De “Amor Líquido Sobre a fragilidade dos laços humanos” Zygmunt Bauman]

7 Comentários:

Mila Cris Says:
22 abril, 2017

Na verdade parece que todos buscam nesse mundo líquido realmente é por experiência que o faça superar novas relações transitórias, onde até o que é "proibido" torna-se livre alterando as barreiras da realidade, da marca da desesperança, da potência dos preconceitos, do amor eterno. Bom texto, gostei.

Faby Souza Says:
22 abril, 2017

Olá Val, tudo bem?
Mas um super post no seu blog hein? Parabéns. Que triste realidade essa não é? Amor liquido em um mundo liquido. Já estamos perdendo a pouca fé que tinhamos nas pessoas e na sua capacidade de amar. Lamentável.

Parabéns pelo layout do blog. Amei

Aline Furtado Says:
23 abril, 2017

Olá!
Gostei muito do quote. É daqueles que nos faz pensar.
Isso é uma das coisas que sempre me questiono nesse mundo líquido de relacionamentos descartáveis em que vivemos.
Beijos.

Gleyse Vieira Says:
23 abril, 2017

Oi Val, poxa, estudei muito Bauman na faculdade e adorei esse quote. Com certeza toda a obra nos remete a essas reflexões.
Ahhh e o layout novo do blog está incrível. Amei!!! Bjs

Lilian Farias Says:
24 abril, 2017

Menina, esse cara é simplesmente formidável, ele está em meu material de trabalho este ano junto com Byung. Eu gostei de sua postagem, a escolha certeira e sugestiva do trecho.

Fabrica dos Convites Says:
24 abril, 2017

Concordo que a resposta não é fácil de ser dada, e que seu questionamento será sem fim. Belo trecho este que você escolheu.
Bjs, Rose

Livros da Beta Says:
25 abril, 2017

Nossa, que intenso!! Os relacionamentos de hoje estão, cada vez mais, dissolvendo-se com mais facilidade... dando a impressão de que nada mais é real. Que no mundo atual, apesar dos pesares, não nos fuja pela mão a capacidade de amar!

bjs
www.livrosdabeta.blogspot.com.br

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...