O livro dos abraços, minha estreia na escrita de Eduardo Galeano...

| 03 fevereiro 2017 | |
A escrita de Eduardo Galeano revolve memórias a fim de nos apresentar uma prosa fictícia embasada nos costumes e  cotidianos da América latina. Em O livro dos abraços ele  nos presenteia com pequenas histórias que carregam em si mesmas a realidade de muitos indivíduos, podendo o leitor - inclusive - vir a se identificar em algumas  passagens... 

Não há cenas fantasiosas ou surreais, embora algumas situações beirem o absurdo. Podem chocar ou enternecer o leitor justamente por sua natureza tão viva, real, palpável. Porém, contadas com toque de mágica na escrita...

A narrativa sutil tem força, desvela muito de quem conta, de quem ouve e de quem vivenciou. 


"Um homem da aldeia de Neguá, no litoral da Colômbia, conseguiu subir aos céus. Quando voltou, contou. Disse que tinha contemplado, lá do alto, a vida humana. E disse que somos um mar de fogueirinhas.
— O mundo é isso — revelou — Um montão de gente, um mar de fogueirinhas.
Cada pessoa brilha com luz própria entre todas as outras. Não existem duas fogueiras iguais. Existem fogueiras grandes e fogueiras pequenas e fogueiras de todas as cores. Existe gente de fogo sereno, que nem percebe o vento, e gente de fogo louco, que enche o ar de chispas. Alguns fogos, fogos bobos, não alumiam nem queimam; mas outros incendeiam a vida com tamanha vontade que é impossível olhar para eles sem pestanejar, e quem chegar perto pega fogo."
O mundo - Eduardo Galeano









Minha estreia com esse autor uruguaio falecido em 2015 me apresentou um novo patamar na literatura. Uma nova forma de enxergar poética onde muitos não veem. Assim como a vida, O livro dos abraços nos impulsiona a sentir várias emoções ao mesmo tempo, intensas e inefáveis. Com uma delicadeza bruta, que nos deixa por um fio, e eterniza o efêmero que nos vai no pensamento...



15 Comentários:

Poliana Veloso Says:
06 fevereiro, 2017

Olá Maria Valéria, como vai?
Nunca li nada desse autor, mas me interessam os livros dele, gosto de ler autores latinos, me deixa feliz porque eles são muito diferentes na forma da escrita. E gosto também por que faço Letras e na faculdade tem Literatura Espanhola, coisa que me agrada muito, todo semestre conheço algum autor intrigante e novo.
Quero muito ler Dias e Noite de amor e Guerra dele, parece ser bem bacana. quem sabe assim como você não decido ler algo dele esse anoa né?!
Beijo
https://qadulta.blogspot.com.br/

Mariana Oliveira Says:
06 fevereiro, 2017

Não conheço Eduardo Galeano, mas parece algo que você fosse gostar realmente de ler. Não é algo que eu esteja acostumada a ler, mas gostaria de conhecer mais. Gostei do trecho que separou! :D

Carla Vieira Says:
06 fevereiro, 2017

Não conhecia o autor, mas fiquei interessada!
Beijos

Kris Oliveira - Conversas de Alcova Says:
06 fevereiro, 2017

Oi Val, Nunca li nada do autor, mas esse nome não me parece completamente estranho. Gostei da maneira como tu descreveu a obra e fiquei curiosa em relação a leitura, acredito que caso tivesse a oportunidade eu a faria, sim
Beijoooos

Francine Porfirio Says:
07 fevereiro, 2017

Gostei muito de conhecer um pouco desse livro e autor. Como você, não li nada dele, então saber que iniciou sua experiência com uma narrativa poética sobre a vida real me deixou encantada. Adorei o quote que você colocou na resenha, pois percebi o teor doce do livro. Anotei a dica! Quero prestigiar o talento desse autor tão bem avaliado pela crítica.

Beijos!
http://www.myqueenside.com.br

Faby Souza Says:
07 fevereiro, 2017

Olá Valeria, tudo bem?
Nossa que livro legal.Confesso que não conhecia o autor nem a obra, mas amei a premissa desse livro principalmente por s tratar de um livro baseado em memorias. Dica anotada. Beijos

Mia Sodré Says:
09 fevereiro, 2017

Galeano = ♥
O livro dos abraços é muito poético e amorzinho. Gosto disso, de ver poesia fantástica onde muitas vezes passamos apressadamente, sem perceber nada além do que está escancarado.

Há um outro livro dele, Os filhos dos dias, em que ele comenta, diariamente, fatos históricos referentes ao dia do ano em questão. Tudo naquele jeitinho Galeano de ver as coisas. É bem interessante.

;*

Débora Costa Says:
09 fevereiro, 2017

Não é o meu tipo de leitura, mas eu gosto demais quando novos autores estreiam no mercado com literatura diversificada.

http://laoliphant.com.br/

Maria Valéria Says:
09 fevereiro, 2017

mas Galeano não é autor novo... O.o
ele já até morreu, inclusive...

Amores e Livros Says:
10 fevereiro, 2017

Não conhecia o autor e nem a obra... me pareceu interessante, mas não é nem um pouco o meu estilo de leitura, então dessa vez eu passo a indicação.
Ando arriscando um pouco nas leituras e saindo da minha zona de conforto, mas faltou alguma coisinha nesse para me fisgar...
Beijinhos,
Lica

Catharina M. Says:
11 fevereiro, 2017

Oiiie
Parece uma ótima dica para sair um pouco da zona de conforto, eu ainda não o conhecia m,as gostei do seu post e da dica, parece ser muito bom

beijos
http://realityofbooks.blogspot.com.br/

Fernanda Says:
11 fevereiro, 2017

Ola!
Não conhecia o livro, mas gostei bastante lendo sua resenha :) Fiquei curiosa. Vou anotar a dica, parece aer um livro muito bom.

Bjs!

Paac Rodrigues Says:
12 fevereiro, 2017

VocÊ falando soa como alguém apaixonada kkk e é engraçado porque você realmente se apaixonou e conseguiu passar isso na sua escrita, invejo um pouco essa empatia da sua escrita. Quanto ao livro, fiquei curiosa, mas acho que boiaria na escrita dele kkk.

Livrai-nos Says:
12 fevereiro, 2017

Apesar de eu ter lido ótimos livros ultimamente, obras que nos pegam nunca é demais. Fiquei curioso a forma como retratou a experiência da leitura. Vou anotar a dica.
Beijo.

Cia do Leitor Says:
17 fevereiro, 2017

Olá!
Não conhecia o autor e sua obra, mas pelo que parece esse livro por tratar de uma realidade que desconheço me deixou curiosa. gostei de como nos apresentou, instigou.
Anotado a dica.
Abs
Ni
Cia do Leitor

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...