#LendoSandman - Entes Queridos [10º arco]

| 21 dezembro 2016 | |

Retomando às postagens do Projeto #LendoSandman, trago a vocês  minhas impressões sobre o penúltimo arco do quadrinho, intitulado Entes Queridos. Minha motivação no projeto deu uma esfriada, devido a morte de um amigo em fins de julho... leituras que estava fazendo no período não fluíam, então resolvi dar uma pausa nessa edição...

Entes queridos compreende as edições 57 a 69 de Sandman. Estamos chegando na reta final, e lendo o quadrinho, sentimos o desfecho se aproximando por conta de alguns acontecimentos e mudanças na história... Mudança seria um termo adequado e que permeia boa parte do arco...Temos a aparição de vários personagens que surgiram anteriormente, como os irmãos Lady Nuala e Cluracan, bem como Coríntio. As Fúrias ressurgem e Morpheus é o principal alvo dessa vez... 

Hippolyta e  seu bebê Daniel também dão o ar de sua graça... uma tragédia acontece e a pobre mãe se desespera, atribuindo sua desgraça ao moldador de sonhos, então ela parte em busca das Fúrias buscando vingança. Há aparições de alguns dos Perpétuos, como Destino, Delírio e Morte... As três mulheres punem aqueles que derramaram sangue de parentes... Eis o motivo pelo qual Morpheus se encontra na mira delas... Ele sabe que o fim se aproxima, e o encontro com sua irmã Morte é inevitável... À medida que nos aprofundamos na leitura, notamos como o próprio Morpheus arquitetou sua tragédia... Uma de suas características marcantes é de se anular/sabotar [identificação total aqui]... é como se - desde o princípio - ele tivesse escrito seu próprio final... mas  não um fim completo... eis aqui o cíclico tomando forma...  o fim que anuncia um retorno, moldado numa faceta diferente, mas presente ali...



Rose Walker vai visitar o lugar onde sua avó passou grande parte da 'vida' 'dormindo'. Ela busca respostas, embora não saiba exatamente para quais perguntas... Ela se envolve com uma pessoa e isso tem consequências futuras... A vida surge a partir da morte...

Vingança, cíclico, mudanças e buscas são palavras-chave de Entes Queridos... Por ser o maior arco, pode parecer confuso fazer a leitura depois de algum tempo, pois ele vem pra fechar as pontas que se encontravam em aberto ao longo da história... As mini-tramas se mesclam no decorrer de 360 páginas... Atitudes que mudariam toda a base da série foram tomadas aqui. 

Encontrei duas referências interessantes: maçãs e a  tentação do Éden, o fruto proibido... Gaiman sempre insere algum elemento bíblico em suas histórias... E o título IT, de Stephen King, numa das cenas em que Rose se encontra com a avó, no quarto onde Morpheus ficou preso... Esse livro estava sendo lido por um dos carcerários, lá no início de Sandman...

Em suma, Entes queridos vem para concluir pequenas tramas, é um dos arcos primordiais da série e certamente vai abalar  algumas estruturas... Em breve postarei o último post do desafio, o arco final intitulado Despertar [70 a 75] ...


10 Comentários:

Camila Moraes Says:
27 dezembro, 2016

Olá!
Adorei suas considerações e o fato de conseguir a correlação entre outras obras, achei interessante e aguçou minha vontade de ler.
Obrigada pela dica!

Bjs.

Camila de Moraes - Blog Book Obsession

Fernanda Mendonça Says:
27 dezembro, 2016

Oii!!

Sem tem uma hq que eu tenho muita vontade de ler é de Sandman, mas eu nunca tive a oportunidade. Parece ser muito boa <3

Fernanda Yano Says:
28 dezembro, 2016

Oie

Morro de vontade de ler Sandman, espero para o próximo ano conseguir.
Eu adorei o post e suas considerações e principalmente as referências, fiquei mais curiosa ainda.
Vou aguardar o último post do desafio!

bjs
Fernanda Y.

Livros da Beta Says:
28 dezembro, 2016

Olá!! Não conheço a série, mas pelas referências citadas já bateu o interesse! Vou buscar saber mais sobre ela!

Bjs
www.livrosdabeta.blogspot.com.br

Thayenne Carter Says:
28 dezembro, 2016

Olá,

Faz muito tempo que não leio Hqs, chega até a ser engraçado, já que quando mais nova era algo que eu devorava não importando qual estilo fosse. Enfim, já li um livro do Neil e gostei da forma dele de escrever e de criar a história, já ouvi falar bastante nessa série (?), e tenho bastante curiosidade em ler, espero fazê-lo em breve.

Beijos,
entreoculoselivros.blogspot.com

Beatriz Andrade Says:
28 dezembro, 2016

Eu ainda não conhecia essa série e, mesmo não sendo um gênero que me atraia facilmente, eu fiquei curiosa.

Thaís Says:
29 dezembro, 2016

Oie Maria!
Não conhecia essa série e confesso que não me senti tentada a ler. Adorao HQ, mas esse enredo não me chamou atenção.
Por enquanto, passo a dica.
Bjo

Catrine Vieira Says:
29 dezembro, 2016

OOi!
Não conhecia a série e confesso que se vesse por ai não me interessaria, mas seu post fez com que eu sentisse até uma vontade de conferir. :)
Beijoos!

Angélica Lima Says:
29 dezembro, 2016

Oi Val, tudo bem?
Eu tenho muita cuiosidade sobre Sandman e quero muito ler os quadrinhos (kd dinheiro).
Este ano passei um tempo afastada do blog e sem visitar outros também, mas gostei desse projeto das postagens sobre.
Bjs

Fabrica dos Convites Says:
29 dezembro, 2016

Lembro de uma postagem que você citou a morte do seu amigo. Mas fico feliz que aos poucos você esteja retornando ao projeto. Este HQ está bem interessante, gostaria de ler.
Bjs

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

╬† Autores ╬†

agatha christie Alan Dean Foster Alan Moore Álvares de Azevedo Ana Cristina César Anaïs Nin Anna Akhmatova Anne Rice Anne Sexton Antônio Xerxenesky Arthur Rimbaud Bob Dylan Bram Stoker Cacaso Caio f. Abreu Cecília Meireles Charles Baudelaire charles bukowski Charles Dickens chuck palahniuk Clarice Lispector clive barker Cruz e Sousa dalton trevisan David Seltzer Dik Browne Don Winslow edgar allan poe Eduardo Galeano Emily Brontë Ernest Hemingway Eurípedes F. Scott Fitzgerald Ferreira Gullar Florbela Espanca Franz Kafka Garth Ennis George R. R. Martin Gilberto Freyre Guido Crepax H. G. Wells H. P. Lovecraft Haruki Murakami Henry James Herman Hesse Herman Melville Hilda Hilst honoré de balzac Horacio Quiroga Hunter S. Thompson Ignácio de Loyola Brandão isaac asimov Ivan Turgueniev J. R. R. Tolkien Jack Kerouac Jack London Jay Anson João Ubaldo Ribeiro Joe Sacco Jon Krakauer Jorge Luis Borges José Mauro de Vasconcelos Julio Verne Konstantinos Kaváfis L. Frank Baum Laura Esquivel Leon Tolstói Lord Byron Luciana Hidalgo Luiz Ruffato Lygia Fagundes Telles manoel de barros Marcelo Rubens Paiva Mario Benedetti Mark Twain Marquês de Sade Martha Medeiros Mary Shelley Michel Laub Miguel de Cervantes Milo Manara Moacyr Scliar Neil Gaiman Nelson Rodrigues Nicolai Gógol Oscar Wilde Pablo Neruda Patti Smith Paulo Leminski Pedro Juán Gutierrez Rachel de Queiroz Rainer Maria Rilke Ray Bradbury Robert Bloch Robert Kirkman robert louis stevenson Roberto Beltrão Rubem Alves Sándor Márai Sófocles Stephen King Stieg Larsson Susan E. Hinton Sylvia Plath Torquato Neto Victor Hugo Virginia Woolf William S. Burroughs Ziraldo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...