Arrabal e a noiva do capitão, de Marina Ferrari...

| 24 novembro 2015 | |
A leitura de Arrabal e a noiva do capitão, da autora Marina Ferrari foi realizada depois de bastante tempo, e apesar de me concentrar na obra, logo de início não consegui me conectar com a história...

Trata-se da história de Giordano e Giuseppe, ou Arrabal, gêmeos que diferem muito entre si e que logo se verão disputando o amor de Luigia. Arrabal possui uma trupe de atores e vive circulando pelas cidades mostrando seu espetáculo de improviso. Seu irmão é um importante soldado do exército do Rei, mas só assumiu esse dever por causa de seu pai, que parece não se importar com Arrabal, tendo depositado todas as suas esperanças e sonhos no filho Giordano.

Arrabal é encantador e sempre tem alguma mulher caindo aos seus encantos, e não é diferente com a bela Luigia, que será prometida a seu irmão. Além dela, ele também encanta Vittoria, uma marquesa que abandona o luxo de um casamento cheio de posses [porém infeliz], para se juntar ao animado grupo de Arrabal: Mamma, Gigi, Vincenzo, Francesca, Dottore e Arrabal. Logo se junta à trupe a garota cega e costureira Caterina

Confesso que o que me prendeu à trama não foi a história em si, mas o carisma dos personagens secundários. É como se eu tivesse vivenciado as dificuldades da trupe em conseguir uma refeição decente enquanto dividiam uma carroça apertada como lar. Graças à construção deles, que a autora soube inserir com suas dores e passados tristes, é que cheguei ao fim de suas mais de 360 páginas. Não que a história seja ruim, mas a meu ver, ela não possui um ritmo de deixar o leitor devorando seus capítulos. Talvez pelo fato destes serem longos, a leitura se mostrou um pouco cansativa... O que dificultou um pouco foram os trechos em italiano e alguns até em francês, de pequenas expressões ditas pelos personagens em alguns diálogos. Mas não a ponto de perder o fio da meada... 

A narrativa é bem descritiva e me parece que a autora andou pesquisando para embasar a história com alguns fatos ocorridos na época em que o livro é ambientado. Isso contou alguns pontos positivos comigo ao longo da leitura...

Posso assegurar que da metade para o final, a história vai ganhando fôlego, os irmão se veem envolvidos em várias situações amorosas confusas e o leitor ora torce por um, ora por outro. Em paralelo, o passado dos membros da trupe vão surgindo, causando ao leitor maior empatia por eles e tendo esperança de que eles consigam um final feliz...

Em suma, não pretendo me aprofundar mais nos personagens, deixo ao encargo do leitor conhecê-los a fundo, mas posso garantir que o desfecho do romance se mostrou surpreendente. Todos os sinais estavam ali na história, o tempo todo, mas eu acabei não percebendo, e acredito que muitos só vão saber mesmo o desenrolar da trama ao final, assim como eu. [A não ser que você seja bem perspicaz...]

Arrabal e a noiva do capitão é uma publicação do selo Novas Páginas, da Editora Novo Conceito. 

12 Comentários:

Helana Ohara Says:
26 novembro, 2015

Oieee, fiquei apaixonada por esse livro.
Pois fala um pouco da Commédia Del'Arte, muito famosa na época, como estudei história da arte e do teatro, esse livro foi excelente pra mim.

Beijinhos, Helana ♥
In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

Lumartinho Says:
26 novembro, 2015

OI val, tudo bem!?
Bom, no começo da resenha a história não me chamou muito a atenção, achei bem morninha, mas depois que você falou do desfecho surpreendente do romance, até que me deu aquela pontadinha de curiosidade, sabe? Mas, não vou colocar ele agora na lista, porque tô atolada, quem sabe mais para frente?!
Beijos

LuMartinho | Face

Morgana Brunner Says:
26 novembro, 2015

Oiii, fiquei apaixonada por esse livro guria. Eu não o conhecia e só pelo fato de lembrar fatos do passado conquistou meu coração <3
Beijos
http://segredosliterarios-oficial.blogspot.com.br/

Déborah Says:
26 novembro, 2015

Oie, Valéria.
Nunca tinha ouvido falar desse livro.
Achei a ideia bem mais ou menos, um pouco batida demais.
Mas que bom que você percebeu que a autora fez uma boa pesquisa sobre a obra.

Lisossomos

Maiara Vieira Says:
26 novembro, 2015

Oi, tudo bem?
A premissa desse livro não me interessou muito, mas o fato de você ter falado que os personagens serem carismáticos me animou mais um pouco.

Beijos :*
http://www.livrosesonhos.com/

jessica Says:
26 novembro, 2015

De início náo leria esse livro mas seus comentários me deixaram intrigada, essa parte do fôlego q aparece da metade p final é desanimador mas estou pensando e dar uma chance.

Coração leitor

Gabriel Ribeiro Says:
26 novembro, 2015

Oee, tudo bem?
Já li algumas resenhas desse livro e não consigo me interessar por ele..

Abraços!
http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

Julia Martins Says:
27 novembro, 2015

Olá!
Gostei bastante sobre a pesquisa da autora nos fatos históricos, mas mesmo que o romance tenha surpreendido no final, eu não gosto muito da ideia de triangulo amoroso. Minha cota acabou em Crepúsculo rsrs

Beijos
http://www.breakingfree.blog.br/

Marijleite Says:
27 novembro, 2015

Olá, gostei da resenha; ainda não li esse livro, mas parece interessante justamente pelos personagens secundários e por se passar em uma outra época, se você encontrou pontos positivos nele, eu acho que poderia gostar da história.

Débora Costa Says:
28 novembro, 2015

Eu não conhecia esse livro, mas achei interessante mesmo ainda tendo dúvidas sobre o enredo!

http://laoliphant.com.br/

Nilda de Souza Says:
30 novembro, 2015

É a primeira resenha que leio desse livro. E tenho que confessar que não me chamou atenção. A resenha ficou ótima, apontado os aspectos positivos e negativos, porém o enredo em si não me atrai.

Beijos!

Samy Says:
30 novembro, 2015

Não conhecia a obra nem a autora. Pelo que você contou na resenha, o enredo não chamou muito a minha atenção não, ainda mais sendo uma leitura que não é de conexão rápida com o leitor (pelo menos não foi para você). Acho que vou deixar passar esse.

Infinitos Livros

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

╬† Autores ╬†

agatha christie Alan Dean Foster Alan Moore Álvares de Azevedo Ana Cristina César Anaïs Nin Anna Akhmatova Anne Rice Anne Sexton Antônio Xerxenesky Arthur Rimbaud Bob Dylan Bram Stoker Cacaso Caio f. Abreu Cecília Meireles Charles Baudelaire charles bukowski Charles Dickens chuck palahniuk Clarice Lispector clive barker Cruz e Sousa dalton trevisan David Seltzer Dik Browne Don Winslow edgar allan poe Eduardo Galeano Emily Brontë Ernest Hemingway Eurípedes F. Scott Fitzgerald Ferreira Gullar Florbela Espanca Franz Kafka Garth Ennis George R. R. Martin Gilberto Freyre Guido Crepax H. G. Wells H. P. Lovecraft Haruki Murakami Henry James Herman Hesse Herman Melville Hilda Hilst honoré de balzac Horacio Quiroga Hunter S. Thompson Ignácio de Loyola Brandão isaac asimov Ivan Turgueniev J. R. R. Tolkien Jack Kerouac Jack London Jay Anson João Ubaldo Ribeiro Joe Sacco Jon Krakauer Jorge Luis Borges José Mauro de Vasconcelos Julio Verne Konstantinos Kaváfis L. Frank Baum Laura Esquivel Leon Tolstói Lord Byron Luciana Hidalgo Luiz Ruffato Lygia Fagundes Telles manoel de barros Marcelo Rubens Paiva Mario Benedetti Mark Twain Marquês de Sade Martha Medeiros Mary Shelley Michel Laub Miguel de Cervantes Milo Manara Moacyr Scliar Neil Gaiman Nelson Rodrigues Nicolai Gógol Oscar Wilde Pablo Neruda Patti Smith Paulo Leminski Pedro Juán Gutierrez Rachel de Queiroz Rainer Maria Rilke Ray Bradbury Robert Bloch Robert Kirkman robert louis stevenson Roberto Beltrão Rubem Alves Sándor Márai Sófocles Stephen King Stieg Larsson Susan E. Hinton Sylvia Plath Torquato Neto Victor Hugo Virginia Woolf William S. Burroughs Ziraldo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...