13ª Roda de Leitura em Paudalho - Auto da Compadecida, de Ariano suassuna

| 23 maio 2015 | |
Olá, pessoas. Venho através deste post mostrar a vocês como foi realizada a nossa 13ª edição da Roda de Leitura aqui na cidade. Diferente das outras, essa roda deu muita gente. Nunca tínhamos um público tão grande antes. Provas de que o Projeto está melhorando a cada mês...


brindes do mês

A obra discutida foi O auto da compadecida, do grande Ariano Suassuna. Quem não teve tempo de ler a obra, certamente já tinha visto o filme, então o debate girou em torno de livro e filme... Falamos sobre conceitos de religião e a fé do homem nordestino, bem como das intempéries que o homem do sertão precisa enfrentar a cada dia, discutimos sobre a seca, a fome, a miséria que assola o povo do nordeste e de como - apesar de tantos problemas - ele nunca perde o humor e a generosidade. 


Selfie geral, com a maioria que estava lá...

Houveram comparações com outras obras publicadas sobre o povo nordestino, como Vidas Secas, de Graciliano Ramos e O quinze, de Rachel de Queiroz. Em um dado momento, Nathy fez uma alusão ao teatro de Gil Vicente e em como Ariano trouxe em suas obras essa herança da literatura portuguesa [os autos] para suas próprias histórias. 

Fizemos algumas brincadeiras entre os participantes, não houve Quiz dessa vez e voltamos com a encenação do teatro. Alguns tiveram que fazer uma prova declamando o trecho em que o personagem João Grilo invoca Nossa Senhora. Foi muito bacana a participação e integração de todos nessa roda.


Finalizado o teatro, e após a distribuição dos prêmios aos sorteados e os marcadores de 'consolação' pra quem não ganhou nada, encerramos a Roda de Leitura de Maio com a sensação de dever cumprido, de meta alcançada. A visibilidade que tivemos nesta última roda anda rendendo nas redes sociais... Espero que isso motive a outras pessoas em criarem projetos como esse, de incentivo à literatura ou a outro tipo de arte/cultura. E aguardem que logo venho falar da Roda de Leitura do mês de junho, que será uma confraternização de um ano do evento na cidade...

Gostaria de agradecer às pessoas que andam ajudando no Projeto, doando livros, marcadores, e afins, ou divulgando nas redes sociais. Um agradecimento em especial à minha professora Kalina, da Universidade de Pernambuco, a Glenda [que mesmo não sendo da organização] contribui confeccionando artesanato com temática de livros para sortearmos e à Dedê, dono do sebo que vez ou outra disponibiliza livros para serem sorteados. Em nome da organização, venho mostrar a gratidão para com a Roda de Leitura. Ah, sem esquecer o apoio dos membros do Dose Literária, que sempre estão divulgando e compartilhando as news da Roda pelo Facebook. 


Abaixo, quem me ajuda com o projeto: Nathalia, Carlinhos e Danilo.

organizadores


Espero que tenham curtido o post. Mês que vem trarei mais novidades sobre o evento...


4 Comentários:

Vanessa Vieira Says:
25 maio, 2015

Que lindo!!! Fiquei com vontade de participar desta roda de leitura! Parabéns pela iniciativa e que venham muitas outras!!! Gosto muito da obra discutida! (=

Grande Abraço!
www.pensamentosvalemouro.com.br

Maria Valéria Says:
25 maio, 2015

obrigada. ^^
Aí na sua cidade tem algo do tipo, não???

Kris Oliveira - Conversas de Alcova Says:
25 maio, 2015

Val como sempre um evento lindo!
Adoro acompanhar pelas fotos, vou tentar te ajudar de uma
forma mais efetiva. Fico muito feliz por ver o sucesso do evento é lindo!
Espero que tenhas mais apoio.

Maria Valéria Says:
25 maio, 2015

eu queria te ver em algum desses, Kris. Tu e Alice <3

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

╬† Autores ╬†

agatha christie Alan Dean Foster Alan Moore Álvares de Azevedo Ana Cristina César Anaïs Nin Anna Akhmatova Anne Rice Anne Sexton Antônio Xerxenesky Arthur Rimbaud Bob Dylan Bram Stoker Cacaso Caio f. Abreu Cecília Meireles Charles Baudelaire charles bukowski Charles Dickens chuck palahniuk Clarice Lispector clive barker Cruz e Sousa dalton trevisan David Seltzer Dik Browne Don Winslow edgar allan poe Eduardo Galeano Emily Brontë Ernest Hemingway Eurípedes F. Scott Fitzgerald Ferreira Gullar Florbela Espanca Franz Kafka Garth Ennis George R. R. Martin Gilberto Freyre Guido Crepax H. G. Wells H. P. Lovecraft Haruki Murakami Henry James Herman Hesse Herman Melville Hilda Hilst honoré de balzac Horacio Quiroga Hunter S. Thompson Ignácio de Loyola Brandão isaac asimov Ivan Turgueniev J. R. R. Tolkien Jack Kerouac Jack London Jay Anson João Ubaldo Ribeiro Joe Sacco Jon Krakauer Jorge Luis Borges José Mauro de Vasconcelos Julio Verne Konstantinos Kaváfis L. Frank Baum Laura Esquivel Leon Tolstói Lord Byron Luciana Hidalgo Luiz Ruffato Lygia Fagundes Telles manoel de barros Marcelo Rubens Paiva Mario Benedetti Mark Twain Marquês de Sade Martha Medeiros Mary Shelley Michel Laub Miguel de Cervantes Milo Manara Moacyr Scliar Neil Gaiman Nelson Rodrigues Nicolai Gógol Oscar Wilde Pablo Neruda Patti Smith Paulo Leminski Pedro Juán Gutierrez Rachel de Queiroz Rainer Maria Rilke Ray Bradbury Robert Bloch Robert Kirkman robert louis stevenson Roberto Beltrão Rubem Alves Sándor Márai Sófocles Stephen King Stieg Larsson Susan E. Hinton Sylvia Plath Torquato Neto Victor Hugo Virginia Woolf William S. Burroughs Ziraldo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...