Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...





"Deixai toda esperança, ó vós que entrais!" Inferno. A divina Comédia [Dante Alighieri]

Páginas

12

Primeira leitura de 2015 - Clube da Luta



"Tyler me arranja um emprego de garçom, depois o mesmo Tyler está colocando uma arma em minha boca e dizendo que o primeiro passo para a vida eterna é que você tem que morrer.Porém, por muito tempo, Tyler e eu fomos melhores amigos. As pessoas sempre me perguntam se conheço Tyler Durden."


E o livro Clube da Luta começa assim. Ganhei esse livro num amigo secreto com meus alunos do 9º ano e digo com todas as letras que foi um dos melhores livros que poderia ganhar. Iniciei a leitura dele em poucos dias e só não terminei a mais tempo por causa do corre-corre das festas de fim de ano, mas concluí a leitura dele agora no início de 2015. É meu primeiro contato com o autor, Chuck Palahniuk e posso dizer que já estou apaixonada pela forma como ele escreve.

Eu tive contato com Clube da Luta quando vi o filme dirigido por David Fincher, com Edward Norton e Brad Pitt no elenco. Lembro que na época eu fiquei abismada com o roteiro e só descobri que era baseado num livro por causa de um post no Dose Literária. E desde então, ele estava em minha wish-list.

A história é sobre um cara que sofre de insônia e conhece um homem chamado Tyler Durden. O narrador da história é um homem descontente com a própria vida, seu trabalho monótono tendo um chefe que pega no seu pé e que frequenta reuniões de grupos de doentes terminais e afins. Num desses encontros, ele conhece Marla, mulher misteriosa que logo vai se envolver com Tyler, seu novo amigo fabricante de sabão. E juntos, eles fundam um Clube da Luta, que atua nas noites de fim de semana, com homens de várias idades e diferentes ocupações e classes sociais, e que durante o dia voltam para sua mesmice de vida... Existem algumas regras no clube que não devem ser quebradas, a primeira delas é não falar sobre o clube da Luta, mas a cada dia surgem novos adeptos que ouviram falar sobre o clube e seu funcionamento...

Logo a quantidade de membros aumenta sendo necessário abrir filiais em diversas partes do país. E Tyler vive administrando isso. Quando o narrador dorme, Tyler vai fazer o 'serviço pesado' e quando o narrador desperta, sente-se extremamente cansado e vai ter que consertar alguma 'confusão' que Tyler arrumou enquanto ele dormia... Marla acaba entrando na vida dos dois amigos, pois se envolve com Tyler, mas o narrador também gosta dela..

Para ser sincera, não é uma narrativa de fácil compreensão se você não ler atentamente e ficar ligado nas entrelinhas. Tive que voltar alguns trechos para compreender alguns acontecimentos. Mas fui percebendo ao longo da leitura a crítica feita à sociedade, que oprime seus cidadãos a consumirem de maneira desenfreada o que lhes é oferecido. Que não saiam do 'lugar-comum' a fim de não se distinguirem do 'rebanho' e serem tachados de anormais e 'fora dos eixos'. Os membros do clube são garçons, policiais, médicos, vendedores durante o dia mas encontram no clube uma forma de libertar-se das amarras sociais. a pancadaria é apenas um pano de fundo para extravasar a tensão do cotidiano. Os olhos roxos no dia seguinte são apenas uma pequena consequência para se recordar que à noite, eles são livres para serem o que quiserem...

"A propaganda faz essas pessoas irem atrás de carros e roupas de que elas não precisam. Gerações tem trabalhado em empregos que odeiam para poder comprar coisas de que realmente não precisam."

Após um tempo, apenas as lutas não são o suficiente para animar os frequentadores do clube e então Tyler começa novos 'projetos' de destruição e 'vandalismo'. Os membros tem metas a cumprir, e o fazem... Não dá pra me estender muito sem correr o risco de soltar spoiler mas recomendo a leitura e após esta, vejam o filme... Ambos são maravilhosos...

Ah, não poderia deixar de comentar sobre a questão da 'autodestruição' que o livro nos apresenta. Burlar as leis, quebrar as regras sociais e chegar ao 'fundo do poço' para assim 'se encontrar', amadurecer, crescer... O livro é transgressor, bem escrito, com uma carga de acidez a cada página mas que não deixa de ser envolvente e divertido... O final deixa o leitor embasbacado... E você pensa: 'como não percebi tal fato antes, no decorrer da leitura?' Foi um tapa em minha cara...


"Às vezes você faz algo e se ferra. E às vezes as coisas que não faz é que ferram você."





“AVISO: Se você está lendo isso, então isto é para você. Cada segundo perdido lendo este texto inútil é outro segundo a menos da sua vida. Você não tem outras coisas para fazer? A sua vida é tão vazia que você honestamente não consegue pensar numa maneira melhor de vive-la? Ou você fica tão impressionado com a autoridade daqueles que a exercem sobre você? Você lê tudo o que deveria ler? Você pensa tudo o que deveria pensar? Compra tudo o que lhe dizem pra comprar? Saia do seu apartamento. Encontre alguém do sexo oposto. Pare de comprar tanto e se masturbar tanto. Peça demissão. Comece a brigar. Prove que está vivo. Se você não fizer valer pelo seu lado humano você se tornará apenas mais um numero. Você foi avisado.” - Tyler

12 Comentários:

POESIA NA ALMA.

Já havia visto o livro clube da luta. Ouvi muitos elogios acerca do livro, apesar de não ter lido. De qualquer forma, ganhar livros é sempre bom. Sua resenha veio para aumentar minha curiosidade... Gosto dessa coisa do oprimido e opressor.

Kris Oliveira

Eu já assisti o filme, sou louca pra ler o livro, espero faze-lo em breve.
Esse ano tô zicada pra leitura a preguiça tá matando li nada ainda, hauhauha
Bjos Val, como sempre resenha perfeita!

Morgana Brunner

Oiii Maria, como vai?
Confesso que eu não tenho muito interesse em realizar a leitura desse livro, só vejo críticas positivas, mas anotarei a dica. Parabéns por expor a opinião assim.
Beijinhos

Coleções Literárias

Olá.
Eu ainda não li o livro e nem vi o filme, mas a cada resenha que leio fico ainda mais curiosa. Que presentaço heim... Imagino sua felicidade ao terminar o livro e perceber que leu um livro mara.
Acho que o lance de chegar ao fundo do poço para se encontrar é tipico do gênero do livro.
Amei

Raquel Cavasini

Olá Maria, tenho esse livro faz um tempo, mas ainda não li. Já conferi a narrativa de Chuck Palahniuk em 'No Sufoco' e achei bem característica. Ele gosta bastante de falar palavrões e só pensa em sexo, kkkkk

Abraços

Fabrica dos Convites

Sei que muitos gostam não só do livro, como também do filme, mas ambos não me empolgam a uma leitura.
Bjs, Rose.

Pensamento Literario

OI!!

Gostei muito da resenha, e ainda não tive a oportunidade de assistir ao filme e muito menos ler o livro.A critica do autor a sociedade é algo que desperta o interesse, e mesmo a escrita sendo em alguns momentos complexas isso não me desanima a tentar experimentar esse mundo diferente. Beijos e obrigada pela dica.

Marijleite

"Às vezes você faz algo e se ferra. E às vezes as coisas que não faz é que ferram você." Só li verdades!
Enfim, ótima resenha, e esse é um livro que está na minha lista de desejados por motivos de: título e nome do autor são interessantes, pois é, algumas vezes escolho livros apenas por isso, rsrs.

Roberta Gouvêa

Oi, Val. Tudo bem?
Esse livro é um desejado meu faz tempo, pois sempre escuto falarem bem dele (e do filme!) e li várias resenhas positivas. O que mais me chama a atenção é o mistério que dizem que tem, adoro mistério e, também, o final que dizem que é surpreendente. Além disso, saber que traz uma crítica à sociedade já me conquista ainda mais!
Beijos <3

Déborah

Valéria, já ouvi falar muito do filme e do livro.
Caramba, sempre dizem que o final deixa qualquer um boquiaberto.
Não parece ser muito meu estilo, mas tenho muita curiosidade de ler.

Lisossomos

Tahis

Oi Maria!
Tenho curiosidade com esse livro e sua resenha aumentou o meu interesse, eu pensava que era um livro voltado para o mundo das lutas, mas me enganei e muito. A luta faz parte da vida deles mas é um scape certo? Acho que todos nós precisamos de um clube onde podemos extravasar rs' gostei do aviso do Tyler e me identifiquei, as vezes me sinto sendo só mais um número. Irei colocar na lista das próximas comprinhas rs' adorei a resenha!

Beijos!
http://lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br//

Bruna Souza

oi, tudo bem?
essa história é incrível mesmo. Eu não li, mas vi o filme e é um dos meu favoritos. E é por isso que tenho desanimo de ler, pois nao teria essa surpresa com o final, que já sei, rs
beijos
http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...