O estrangulador, de Sidney Sheldon

| 23 julho 2014 | |
Apesar de não ser o primeiro título que leio de Sidney Sheldon, é o primeiro que resolvi resenhar aqui no blog. O estrangulador foi uma leitura muito rápida, pois além de ser um livro de pouco mais de 100 páginas, é uma trama policial infanto-juvenil [amo] que me instigou até o fim, fluindo muito bem.

Existe um maníaco matando mulheres nas ruas de Londres, e a única coisa que a polícia descobriu é que as mortes acontecem quando chove durante a noite. Aparentemente não existe nenhuma ligação entre as vítimas e então a polícia resolve 'recrutar' para o caso o sargento Sekio Takagi, um rapaz jovem mas com uma mente brilhante, capaz de resolver esses crimes. Naturalmente ele aceita o caso, e em meio a desvencilhar-se de um jornalista chato, ele precisa descobrir o assassino antes que ele faça mais vítimas...

Quando o boletim de meteorologia avisa que vai chover, o perigo se aproxima, ameaçador... Durante as investigações, Sekio percebe que as mulheres mortas tem uma espécie de marca nas costas, mas não se sabe que objeto provocou aquilo, e nesse meio tempo, mais uma mulher é morta. Ao chegar ao local do crime, Sekio encontra um tomate caído. Poderia ser uma pista? Ou apenas um fator corriqueiro?

Agora, vamos ao assassino. Alan Simpson lê o jornal e sorri ao ver mais uma de suas mortes estampando a matéria. Pensa em como está limpando o mundo das mulheres, pois todas elas são pecadoras e merecem morrer. Por causa de um incidente que viu quando era criança, envolvendo sua própria mãe, em meio a  uma chuva torrencial, cresceu em sua mente a ideia de livrar o mal do mundo, e para isso, ele precisa matar...

O livro não trata de fazer o leitor descobrir o assassino, e sim, sobre a caçada de Sekio contra o criminoso. Além disso, surge uma vítima que não foi morta por pura sorte. Sekio acaba se encantando com ela e então a história vai girar em torno do assassino querendo terminar seu trabalho antes de ser identificado pela polícia e pela garota. E o tomate? Sekio descobre em sua investigação o padrão de Alan Simpson. Ele aborda mulheres na saída de um supermercado e oferece o guarda-chuva para acompanhá-las até em casa, e daí comete os crimes... O tomate foi uma pista importante...


Não posso me prolongar na história senão daria muitos spoilers. E me desculpem se acabei contando algo que possa vir a ser um spoiler para vocês, mas nada do que contei tira o prazer da leitura, nem é algum fato importante para descobrir o desfecho logo de cara. Achei algumas coisas meio clichês na obra, com relação ao envolvimento do sargento com a garota que sobreviveu ao primeiro ataque de Alan, mas nada que me tirasse a vontade de ir até o final. Alan Simpson vai ser pego? Ele vai conseguir aniquilar sua única testemunha? Sekio encontrou a mulher de seus sonhos na figura da garota que Alan quer matar?

Isso você só descobre se ler... Ótima recomendação para um intervalo entre leituras mais densas... O livro é uma publicação da Ed. Galera Record e da Ed. Ática
Até a próxima, pessoal...

6 Comentários:

HONORATO, Sandro Says:
24 julho, 2014

Bom dia,
Como vai?
Acredita que nunca li nada de Sidney Sheldon?
E olha que li resenhas bem legais como esta sua :(
Mas eu gosto mesmo é de tentar descobrir o assassino kkkk

Beijos

Kris Oliveira Says:
24 julho, 2014

Val, Eu acho que já li esse livro, mas faz muito tempo por isso não tenho certeza se li mesmo ou é só impressão minha.
Uma época atrás eu devorava todos Sidneys que encontrava.
Mas em breve compro um pra reler (se for o caso) e ir completando a coleção.
Beijoo ♥

Gabriela Amoroso Says:
24 julho, 2014

Adoro o Sidney Sheldon. Só li uma de suas obras infanto-juvenil e lembro que gostei. Ainda não conhecia esse livro e fiquei com bastante vontade de ler! :D

Beijo,
http://www.pitadadecultura.com/

Val Strange... Says:
24 julho, 2014

ah, então leia que é muito legal hehe :D

Val Strange... Says:
24 julho, 2014

eu não li muita coisa dele, e pretendo ir lendo mais pra ter mais resenhas por aqui ^^
bjs. ;)

Val Strange... Says:
24 julho, 2014

espero que vc tenha a oportunidade de lê-lo.
bjs, flor. ^^

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

╬† Autores ╬†

agatha christie Alan Dean Foster Alan Moore Álvares de Azevedo Ana Cristina César Anaïs Nin Anna Akhmatova Anne Rice Anne Sexton Antônio Xerxenesky Arthur Rimbaud Bob Dylan Bram Stoker Cacaso Caio f. Abreu Cecília Meireles Charles Baudelaire charles bukowski Charles Dickens chuck palahniuk Clarice Lispector clive barker Cruz e Sousa dalton trevisan David Seltzer Dik Browne Don Winslow edgar allan poe Eduardo Galeano Emily Brontë Ernest Hemingway Eurípedes F. Scott Fitzgerald Ferreira Gullar Florbela Espanca Franz Kafka Garth Ennis George R. R. Martin Gilberto Freyre Guido Crepax H. G. Wells H. P. Lovecraft Haruki Murakami Henry James Herman Hesse Herman Melville Hilda Hilst honoré de balzac Horacio Quiroga Hunter S. Thompson Ignácio de Loyola Brandão isaac asimov Ivan Turgueniev J. R. R. Tolkien Jack Kerouac Jack London Jay Anson João Ubaldo Ribeiro Joe Sacco Jon Krakauer Jorge Luis Borges José Mauro de Vasconcelos Julio Verne Konstantinos Kaváfis L. Frank Baum Laura Esquivel Leon Tolstói Lord Byron Luciana Hidalgo Luiz Ruffato Lygia Fagundes Telles manoel de barros Marcelo Rubens Paiva Mario Benedetti Mark Twain Marquês de Sade Martha Medeiros Mary Shelley Michel Laub Miguel de Cervantes Milo Manara Moacyr Scliar Neil Gaiman Nelson Rodrigues Nicolai Gógol Oscar Wilde Pablo Neruda Patti Smith Paulo Leminski Pedro Juán Gutierrez Rachel de Queiroz Rainer Maria Rilke Ray Bradbury Robert Bloch Robert Kirkman robert louis stevenson Roberto Beltrão Rubem Alves Sándor Márai Sófocles Stephen King Stieg Larsson Susan E. Hinton Sylvia Plath Torquato Neto Victor Hugo Virginia Woolf William S. Burroughs Ziraldo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...