Dormir já não é tão seguro... O sonho de Eva, de Chico Anes

| 18 outubro 2013 | |








Ordens secretas. Tecnologia. Budismo. Sonhos lúcidos. Onirismo. Teoria da conspiração. Autismo. Suicídio. comando da mente. Ganância. Poder. Mistério. Assassinatos. Loucura. Psicologia. Psiquiatria. Sono REM. Mitologia Hindu. Alquimia. Condicionamento mental através de games que interagem no mundo dos sonhos. Inquisição. Pecado da carne. A serpente e Eva. Puritanismo e Repressão Sexual. Junte todos esses elementos e delicie-se num suspense nacional envolvente e que vai te deixar em 'condicionamento' por umas belas horas de leitura. 








Alguns desses 'temas' são abordados no livro de forma mais profunda, outros em breves passagens, mas o que nos deixa surpresos ao ler O sonho de Eva, do autor Chico Anes, é como ele consegue juntar tantos elementos e formar uma história interessante e com coerência. Recebi esse livro como cortesia do blog Leitor Cabuloso [obrigada, Kari-chan] e achei uma história formidável. São 304 páginas que eu devorei em pouco tempo, numa madrugada apenas. E vamos à história:

A Dra. Eva Abelar está em uma conferência defendendo sua tese sobre sonhos lúcidos,  fora do país, e recebe uma ligação do Brasil, informando que sua irmã havia se suicidado e seu filho [que deixou com a irmã tomando conta] simplesmente desapareceu sem deixar vestígios. O problema maior é que a criança é autista, e requer cuidados especiais. Desesperada, ela volta para o Brasil e vê sua vida transformada num inferno. Em circunstâncias suspeitas, é demitida de seu emprego. Recebe uma oferta de emprego na empresa em que sua irmã Anna trabalhava com pesquisas referentes ao estudo da inserção de jogos eletrônicos por meio dos sonhos. Adhya, uma mulher misteriosa e poderosa,  logo faz a oferta, e Eva, sem saída, resolve aceitar. Parte para a China, e logo se vê envolvida numa base secreta, em que pessoas que formam sua equipe [e nas quais Eva não pode confiar] logo descobrem que é impossível sair daquele complexo. Alguém os quer ali, sem comunicação com o lado de fora, e ai de quem tentar desistir do projeto e tentar cair fora... 

Paralelamente, Eva tenta encontrar o paradeiro do seu filho através desse projeto secreto. Ela acredita que as respostas para suas perguntas [o suicídio da irmã e o desaparecimento de Joachim] podem ser encontradas nesse local. Sem conhecer ninguém, munida apenas de sua esperteza e desconfiança de todos que trabalham ali, ela tem um grande desafio pela frente: desestruturar o projeto ambicioso da misteriosa Yume, resgatar seu filho e vingar a morte de Anna. A verdade é que seu filho é peça chave do projeto, que consiste em manipular os humanos por meio dos sonhos, condicionando a mente dos jogadores. 

"No mundo que vamos governar, liberdade e livre-arbítrio não podem coexistir."

Lá fora, ela conta com a ajuda de Alec [mais que um amigo], e de um homem muito estranho, que aparece do nada pra lhe dar algumas informações e que desaparece da mesma forma como surge, além de um diário deixado por Anna e que Eva encontrou em seu apartamento. O projeto DreamGame é mais que um simples jogo. A verdadeira intenção desse projeto é escusa e a Yume não vai medir esforços para alcançar tais objetivos...  Dentro do complexo, as possibilidades de Eva de se comunicar são bastante remotas... Além da parte psicológica da trama, temos também o lado pessoal de Eva com Alec, e um final de relacionamento mal-resolvido, que também é 'trabalhado' ao longo da história. São várias situações interligadas sobre a vida de Eva: Amor, trabalho e família. 

Não acho possível contar mais do enredo sem cometer spoiler. Então, recomendo a leitura. Você vai se surpreender com essa trama inteligente, cheia de reflexões sobre a modernidade e com temáticas psicológicas e oníricas entremeadas numa leitura surpreendente...
Mais uma grande obra publicada pela Editora novo Conceito... 

Espero que tenham curtido a resenha. Beijinhos entorpecedores... 

8 Comentários:

Tamara Costa Says:
19 outubro, 2013

Com certeza na história há muitos elementos interessantes. Eu não sei se compraria mas se alguém me emprestasse talvez eu lesse. :)

livredujour Says:
19 outubro, 2013

Adorei sua resenha! Recebi esse livro faz pouco tempo e já estava ansiosa pra ler, agora estou mais. Acho que vai ser uma leitura muito boa.


beijos
Bia - www.livredujour.wordpress.com

Brubs. Says:
20 outubro, 2013

Adorei a sua resenha :)
Já li o livro e gostei muito, super diferente
Beijos
Brubs

Kéziah Raiol Says:
20 outubro, 2013

Oi flor, acredita que eu nunca tive muita vontade de ler esse livro? :/ Mas sei lá, a sua resenha me deixou um pouco mais empolgada com a história *-*

Beijos,
paixaoliteraria.com

Carol Viper Says:
21 outubro, 2013

Já eu estou com uma vontade imensa de ler! A temática me seduziu, mas só lendo eu saberei se faz juz à boa sinopse =D

Carol Teles Says:
21 outubro, 2013

Tudo mundo fala super bem desse livro, justamente pela inteligência de enredo, mas nunca consegui pegar para ler e me torturo por isso até hoje.
Sou super fã de literatura nacional, e quero muito tirar o pó desse livro!
Acho que vou programar ele para 2014.

bjus
terradecarol.blogspot.com

Alice Aguiar Says:
21 outubro, 2013

eu sempre achei q esse livro não é pra mim qq
sério, não consigo me apegar a essa história.
por isso q nunca li

Amiga da Leitora - Thais Says:
22 outubro, 2013

Faz tempo que eu venho querendo ler este livro, mas ainda não tive a oportunidade =(

xoxo
http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...