Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...





"Deixai toda esperança, ó vós que entrais!" Inferno. A divina Comédia [Dante Alighieri]

Páginas

1

A criança que havia em mim morreu...



Alguém pode me fazer esquecer
as longas noites sem dormir
os pesadelos em minha mente,
as marcas que ficaram em meu ser?

Posso sentir até hoje, teu suor asqueroso
E quem pode me limpar disso?
Traga de volta o que você me roubou.
Matou meus sonhos e minha perspectiva de amor.

Devolva a criança que vivia em mim...

1 Comentários:

Natalia Fênix Gótica

"Posso sentir até hoje, teu suor asqueroso
E quem pode me limpar disso?
Traga de volta o que você me roubou.
Matou meus sonhos e minha perspectiva de amor.

Devolva a criança que vivia em mim..."
Não tenho nem o que disser...

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...