Como uma rosa sem vida...

| 11 dezembro 2007 | |
http://starsha.com/
HOTTT & SEXXXY


Deixei-me cair aos pedaços
nessa triste solidão
Pranteio e morro, triste, com pesar
e como um lamento, grita meu coração

Como uma rosa seca, sem vida
desisti da felicidade.
Este sentimento me parece estar longe,
Acho que não existe de verdade...

Alguém pode lamber minhas feridas?
Alguém pode me tirar desse tormento?
Como um cão sem dono estou
presa às argolas do destino e do sofrimento...

0 Comentários:

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...